A edição do Jornal Nacional de ontem, quinta-feira, além de destacar a votação contrária do deputado Luis Carlos Heinze ao relatório do deputado Abi-Ackel, fez uma referência equivocada ao que chamaram de "alívio no pagamento de dívidas com o INSS" do setor rural. O deputado Heinze contesta a informação e explica que a medida provisória - MP - 793/16 foi editada pelo Planalto para cobrar uma conta injusta que já havia sido declarada inconstitucional pelo STF. O parlamentar já está preparando diversas emendas para corrigir o texto e retirar mais esse pesado fardo de tributos das costas dos produtores de alimentos e dos trabalhadores brasileiros.

Assista ao vídeo, comente, compartilhe.