Rádio Heinze

{mp3}florestalcopa{/mp3}
Download do áudio em formato MP3

Sem acordo para votar o Código Florestal, deputados da Frente Parlamentar da Agropecuária – FPA – impuseram uma derrota ao governo e não aprovaram a Lei Geral da Copa nesta semana. O recado dado a presidência da República evidencia o descontentamento dos ruralistas pela falta de diálogo e de entendimento com o Planalto para apreciar a nova lei ambiental. O grupo que ganhou o apoio de outras bancadas garante ainda que impedirá a análise de qualquer outra proposta até que o texto seja incluído na pauta.

Leia mais
Em vídeo: Heinze fala sobre votação do novo Código Florestal

O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS) voltou a cobrar dos ministérios da Agricultura e da Fazenda, mudanças nas resoluções que autorizam o refinanciamento das dívidas dos produtores rurais que foram atingidos pela forte estiagem que castigou os estados do Sul. O parlamentar sustenta que o Conselho Monetário Nacional – CMN – que irá se reunir no próximo dia 29 - precisa incluir a linha de crédito BNDES PSI entre as beneficiadas com o prazo adicional, concedido pela resolução 4.048, modificada pela 4.057.

Leia mais
Em vídeo: Heinze pede inclusão do PSI nas normas da estiagem
{mp3}audioprevseca{/mp3}
Download do áudio
O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS), a senadora Ana Amélia Lemos (PP/RS) e prefeitos de pelo menos 30 municípios gaúchos que decretaram situação de emergência devido a estiagem, entregaram na quarta-feira, dia 29, ao ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, uma proposta para minimizar os efeitos da falta de chuvas no Rio Grande do Sul. 
 
{mp3}arrozsafra12{/mp3}
Download do áudio

O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS) voltou a cobrar do governo o aumento do preço mínimo do arroz.  A proposta apresentada pelo parlamentar com o apoio das entidades representativas do setor – Farsul, Federarroz e Fetag/RS – prevê um acréscimo médio de 10% na tabela. A saca do grão tipo 1, com 57 a 59 de rendimento, passaria dos atuais R$ 25,80 para próximo de R$ 29,00. “Há uma exigência maior devido a mudanças na classificação. Por isso, o produto com excelente qualidade, como é o nosso arroz, deve ser valorizado”, explica.

Leia mais
{mp3}audiocolheitaarrozmec{/mp3}
Download do áudio

 
Após participar da 22ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, que foi realizada no último sábado, dia 25, em Restinga Seca, na região central do estado gaúcho, o deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS) voltou a cobrar do governo o anúncio de um pacote de medidas para apoiar a comercialização do grão.

Entre os pleitos defendidos pelo progressista com o apoio das entidades representativas do setor, está a elevação do preço mínimo e recursos para os tradicionais mecanismos de sustentação de mercado. Heinze argumenta que a nova classificação do grão, aliada a crise enfrentada pelo setor na última safra, causou prejuízos aos produtores e cobra a elevação do valor de referência do tipo 1 dos atuais R$ 25,80, para R$ 28,38. “Esse acréscimo é uma forma de compensar o orizicultor que hoje tem um produto de excelente qualidade”, justifica.

Leia mais
Em vídeo: Heinze comenta negociações para fortalecer mercado do arroz
{mp3}audioconvite{/mp3}
 Download do áudio em formato mp3
 
Na sexta-feira, dia 23, o primeiro compromisso do deputado Heinze será em São Luiz Gonzaga. O parlamentar vai se reunir, a partir das 8h30, na sede da Coopatrigo, com produtores rurais e lideranças políticas e classistas de toda a região das Missões e Noroeste, para discutir os efeitos da estiagem sobre a produção agropecuária e os reflexos nos diversos segmentos da economia regional. Heinze também falará sobre as medidas já divulgadas pelo governo para minimizar os efeitos negativos da falta de chuvas e as tratativas para ampliar esses benefícios.

 Leia mais

 
{mp3}arroztributos{/mp3}
Download do áudio em formato MP3


O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS) voltou a se reunir nesta semana com técnicos da Secretaria de Tributação e Contencioso da Receita Federal para cobrar um parecer sobre o pleito apresentado no ano passado que prevê a redução da carga tributária incidente sobre toda a cadeia produtiva do arroz e do trigo.

Leia mais
Em vídeo: Heinze comenta negociações com o governo para reduzir a carga tributária
  
 {mp3}audiotabacoanvisa{/mp3}


O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS) participou, na última terça-feira, dia 12, da reunião da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Dicol - que debateu a proposta de Resolução sobre a Consulta Pública nº 112, que prevê restrições a fabricação de cigarros. Apesar do consenso dos diretores sobre a proibição de aditivos nos produtos derivados do tabaco, o uso do açúcar gerou dúvidas e, após discussões, ficou definido que a votação ocorrerá na próxima reunião da Dicol, no mês de março.

 Leia mais
 Em vídeo: Heinze fala sobre a reunião da Anvisa