A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados realiza na sexta-feira, dia 23 de novembro, em Passo Fundo/RS, reunião da Proposta de Fiscalização e Controle – PFC 61/11 – criada para fiscalizar a Fundação Nacional do Índio – Funai – e os procedimentos adotados pelo órgão para demarcar áreas indígenas no país.

O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS), autor da PFC, pretende ouvir representantes de entidades do setor rural, lideranças políticas e classistas, proprietários das áreas em conflitos no norte do estado gaúcho e a comunidade indígena.

Segundo Heinze, não são raras as denúncias contra a Funai que chegam ao seu conhecimento sobre o uso de pareceres antropológicos forjados e documentos manipulados. “É preciso investigar a veracidade dessas acusações. A queixa generalizada é de que nunca houve, nem há critérios seguros para a demarcação desses territórios, ficando a sociedade à mercê do entendimento pessoal do antropólogo contratado ou indicado para elaborar o laudo”, afirma.