A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) suspenderá o leilão de arroz dos estoques oficiais previsto para a próxima semana até que o governo avalie a periodicidade dos próximos pregões e o volume a ser ofertado.

A informação é do deputado federal Luis Carlos Heinze (PP-RS), que juntamente com o presidente da Federação dos Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), Renato Rocha, participou no final da tarde desta terça-feira de reunião com o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, José Carlos Vaz.

Heinze afirmou que no encontro com José Carlos Vaz também foi abordada a questão da dívida agrícola dos produtores de arroz e de soja, tema discutido pela manhã com o secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa, é à tarde no Banco Central, com diretor do Departamento de Regulação, Fiscalização e Controle das Operações do Crédito Rural e do Proagro, Deoclécio Pereira de Souza.

Heinze disse que na próxima semana o Banco Central deve disponibilizar os dados sobre o endividamento, o que também está sendo realizado pelo Banco Brasil.